Mais cidades do RN registram chuva de granizo

 

Mais cidades do Rio Grande do Norte registraram chuvas de granizo nessa quinta-feira (13). Depois de Parelhas, na quarta-feira (12), foi a vez de moradores de Currais Novos, São Vicente, Lagoa Nova e São José do Seridó relatarem as pedras de gelo caindo do céu.

O chefe do setor de meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn), Gilmar Bristot, explicou ao portaldatropical.com.br como ocorre a formação do granizo.

“Pode acontecer quando você tem muita umidade no sistema, quando há o desenvolvimento de nuvens cumulonimbus e que o topo dessas nuvens ultrapassem o nível de 0ºC. Quando o vapor da água em gotículas passa desse nível, ela congela. Ganha peso e volta. Se conseguir vencer a força da gravidade, ela pode se precipitar”, afirmou.

De acordo com a Emparn, entre 7h da manhã quinta-feira e 7h da manhã desta sexta-feira, as chuvas se concentraram nas regiões Central e Oeste potiguar.

Em Cruzeta, na Central, choveu 66,8 milímetros. Em São José do Seridó, a precipitação foi de 51,8 milímetros. Já em Bodó, o acumulado foi de 48,6 milímetros. No Oeste potiguar, o maior volume foi registrado em Janduís, com 70 milímetros. Em Rodolfo Fernandes, choveu 68,3 milímetros. Em Olho d’Água do Borges, 59 milímetros.

O boletim completo pode ser acessado no site da Emparn.

Comentários